quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Tai Chi Chuan: nova modalidade de exercício para idosos

Para a ciência

Lucy Gomes (1)
Márcio de Moura Pereira (2)
Luís Otávio Teles Assumpção (3)

Resumo
GOMES, L., PEREIRA, M.M., ASSUMPÇÃO, L.O.T.

TAI CHI CHUAN: nova modalidade de exercício para idosos.

R. bras. Ci.e Mov. 2004; 12(4): 89-94.

Tai Chi Chuan tem sido largamente praticado na China há séculos. O objetivo deste artigo é resumir os resultados de pesquisa sobre o Tai Chi Chuan apresentados na literatura. Foram selecionados 44 artigos publicados na base de dados MEDLINE entre 1989 e 2004, que estavam de acordo com o critério de inclusão.

Tai Chi Chuan é um exercício de intensidade moderada que, no paciente idoso, tem mostrado: melhora do equilíbrio; promoção de estabilidade postural; melhora da função cardiovascular e ventilatória; reabilitação de pacientes com infarto agudo do miocárdio e artrite reumatóide; e redução da dor e do estresse. É benéfico no controle mental e flexibilidade, melhorando a força muscular e reduzindo o risco de quedas no idoso. São necessários estudos adicionais sobre os efeitos do Tai Chi Chuan para esclarecer quais os outros grupos beneficiados e dar direção a futuras pesquisas.

PALAVRAS-CHAVE: Tai Chi Chuan, idoso, equilíbrio, quedas, aparelho cardiorrespiratório.

Benefícios do Tai Chi Chuan em Idosos


1. Diretora do Mestrado em Gerontologia, Universidade Católica de Brasília (UCB). Professora do Mestrado em Educação Física, UCB. Professora Titular de Clínica Médica, Universidade de Brasília (aposentada). E-mail: lucygomes@agenciacomunica.com.br
2. Mestrando em Educação Física (UCB). Professor de Tai Chi Chuan e Ioga.
3. Professor do Mestrado em Educação Física, UCB. ------------------------------
R. bras. Ci. e Mov. Brasília v. 12 n. 4 p. 89-94 dezembro 2004
------------------------------
Publicado na Revista Tai Chi Brasil (www.RevistaTaiChiBrasil.com.br). Edição nº 4 - março/2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário