terça-feira, 25 de agosto de 2015

O que se espera do mundo infantil? Ensaio fotográfico; muito legal!

Revelando Sentidos®


Maya Brasiliano (re) descobre sensações inesperadas no universo infantil 
através de ensaio fotográfico

Esta poderia ser uma história comum de uma publicitária que virou fotógrafa e ponto. Mas não é. Maya Brasiliano tem uma relação com as imagens captadas por sua lente: cada clique conta uma história.

Seu olhar intimista sempre esteve presente. Aos 13 anos saía por aí com sua Pentax 35mm registrando o que lhe tocava. Formada em publicidade, trabalhou em agências de primeira linha e um - belo - dia percebeu que esse caminho não fazia mais sentido na sua vida. Sua paixão pela sensibilidade e espontaneidade da infância a levou para a faculdade de Pedagogia e trabalhos em escolas de primeiro grau.

Foi então que começou a registrar o dia a dia em sala de aula e a fotografar os filhos das amigas. Quando engravidou, seu filho passou a ser seu modelo favorito. Autodidata, seguiu registrando os momentos em família em diversos experimentos.

Quando começou a receber pedidos para fotografar em festas e ensaios infantis, percebeu a extensão dos, até então, experimentos. Quem se interessava logo indicava seu diferencial para registrar momentos com emoção traduzida em suas fotos: memórias em que quase se pode ouvir as risadas, a música, a diversão.

Foi mergulhada nesse universo que Maya criou o projeto Revelando Sentidos, uma experiência captadora de instantes que permite às crianças momentos de autoconhecimento com as coisas simples – e boas – da vida. Tirando os pequenos da realidade tecnológica imediata em que vivemos, a fotógrafa os leva para um
universo lúdico em estações que envolvem os cinco sentidos: perfumes, cheiro de água da piscina, o gosto da fruta inusitada, lambida no sorvete, mãozinhas cheias de barro, a água gelada... Tudo feito com ar de surpresa a fim de que os pequenos (re) descubram nuances de seus próprios sentidos. 

O Ensaio acontece em etapas: tato, paladar, olfato, audição e, ao final do circuito, o último sentido, a Visão: a criança recebe uma câmera em que ela mesma poderá “ensaiar” e concretizar sua “visão de mundo”.

“Não é a foto pela estética. É a foto pela emoção que ela passa, pela experiência ali embutida, pelo o que não dá para se ver à primeira vista”, diz.

O Revelando Sentidos vai desde à mãe que deseja fazer um ensaio sensorial com o filho, até como atração em festas infantis, espaços de brincadeiras, livrarias, docerias e tudo o que tenha a ver com esse universo lúdico educacional. 

Ah, detalhe, as fotos são enviadas por correio, estimulando as crianças a (re) descobrirem uma forma de comunicação que não estão acostumadas. 

Para conquistar a naturalidade de suas fotos, Maya abusa das lentes zoom. “Não existe segredo na fotografia. Exceto a intimidade”. A frase do fotógrafo William Allardresume o modo como busca nortear seu trabalho. “Não existe beleza maior do que a daquele segundo (ou milésimo de segundo) em que estamos totalmente envolvidos, com a alma desnuda, radiante, natural”, completa. 

------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário