Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2018

Ciclismo e "causos" em Percursos Afetivos

Imagem
Público acompanha performance de contação de história de bicicleta

Observar a cidade e as pessoas que nela vivem e transitam com um novo olhar, com uma nova escuta, a partir da perspectiva de um ciclista, este é um dos principais objetivos da performance Percursos Afetivos do artista carioca Cadu Cinelli (ator, artista têxtil, contador de histórias e diretor teatral, integrante do grupo OS TAPETES CONTADORES DE HISTÓRIAS/RJ) que conta histórias percorrendo de bicicleta as ruas do centro de Curitiba.

Estar em uma bicicleta é imprescindível para acompanhar este trabalho itinerante que estreou durante a última edição do Festival de Teatro de Curitiba e ganhou bastante repercussão. Mas, foram poucos dias, por isso quem perdeu a chance de vivenciar essa experiência, agora, vai poder se programar.

Desde julho, a inusitada performance é apresentada no último fim de semana de cada mêse seguirá até novembro deste ano. Sempre aos sábados e domingos, em algum ponto da cidade. O trajeto muda a cada …

As viagens peculiares de um motociclista

Imagem
Mais um livro está brotando para quem aprecia narrativas de aventuras, especialmente aquelas sobre "seus cavalos de aço"

Motociclistas viajantes – Como é bom bater um papo com esses “riders” que vêm e que vão pelas estradas afora!
São dessas idas e vindas que surgem aquelas histórias peculiares, cheias de emoções, imbuídas de curiosidades e temperadas com muitos sorrisos. Ter a simples ousadia e motivação de sair do aconchego do lar e se aventurar sobre duas rodas proporciona o deleite de uma visão ímpar de um mundo diferente e encantador.

Esse livro apresenta divertidas narrativas que envolvem o leitor página por página com histórias, imprevistos, perregues e descrição das belezas naturais de cada lugar, vividas pelo autor. São linhas de um “viajante” que fez da estrada um roteiro e do céu um companheiro.

Em breve disponível no site
Fotos e Rumos - www.FotoseRumos.com



O livro como brinquedo: narração de histórias e rodas de leitura

Imagem
Projeto promove narração de histórias e rodas de leitura nas escolas públicas de Curitiba visando aproximação lúdica com o livro.
Quem não gosta de ouvir uma boa história?  Normalmente é um momento bem prazeroso, independentemente da idade que se tenha. E se for uma contação bem tradicional, simples, como as antigas avós faziam, com os pequenos sentados ao redor da cadeira de balanço sendo embalados apenas pela magia das palavras e pela doçura da voz, melhor ainda. Momentos inesquecíveis ou imaginados como esses serão oferecidos aos alunos do ensino fundamental das escolas públicas da rede municipal de Curitiba. 
Michelle Peixoto e Vinícius Mazzon estão à frente como empreendedores e mediadores do Projeto Livros Errantes, Histórias Brincantes: Narrativas e Leituras Pela Cidade Afora que irá oferecer, até novembro, cem (100) sessões de narração de histórias e cem (100) rodas de leitura gratuitas, atingindo cerca de 9 mil alunos.
Eles vêm desenvolvendo projetos semelhantes a este em Curitib…